Cultivo de aipo em água: uma abordagem sustentável usando garrafas plásticas

sim 1

O aipo (Apium graveolens) é um vegetal versátil e nutritivo que pode ser facilmente cultivado em casa. Embora a jardinagem tradicional baseada no solo seja comum, um método inovador e sustentável envolve o cultivo de aipo em água usando garrafas plásticas. Esta abordagem não só reduz a necessidade de solo e espaço, mas também promove a reciclagem e a reciclagem de garrafas plásticas. Neste artigo, iremos guiá-lo através das etapas de cultivo de aipo em água usando garrafas plásticas, permitindo que você desfrute de aipo fresco cultivado em casa e, ao mesmo tempo, minimize seu impacto ambiental.

Materiais necessários:

  • Garrafas plásticas (tamanho de 1 ou 2 litros)
  • Talos de aipo com folhas (comprados em loja ou sobras de cozimento)
  • Tesoura ou faca afiada
  • Água
  • Um parapeito de janela ensolarado ou uma área bem iluminada
  • Opcional: fertilizante líquido

Guia passo a passo:

  • 1. Selecionando talos de aipo: Escolha talos de aipo que foram usados ​​para cozinhar ou comprados na loja. Procure caules que ainda tenham a parte superior das folhas intacta. Essas folhas serão o ponto de partida para o crescimento do aipo.
  • 2. Preparando garrafas plásticas: Pegue garrafas plásticas limpas e remova todos os rótulos. Corte a parte superior das garrafas, deixando espaço suficiente para acomodar os talos de aipo. Certifique-se de que os frascos sejam bem lavados para evitar o crescimento de bactérias nocivas.
  • 3. Corte de talos de aipo: Apare os talos de aipo a cerca de 5 cm da base, garantindo que você retenha as folhas. Coloque os talos de aipo cortados em uma tigela com água por algumas horas para permitir que absorvam a água e permaneçam frescos.
  • 4. Plantar aipo em garrafas: Encha cada garrafa plástica com água até atingir cerca de 5 centímetros do fundo. Insira os talos de aipo na garrafa, certificando-se de que a ponta cortada fique submersa na água enquanto a parte superior das folhas permanece acima da abertura da garrafa. Você pode plantar vários talos de aipo em uma única garrafa, mas certifique-se de que não estejam superlotados.
  • 5. Fornecer luz adequada: Coloque as garrafas em uma janela ensolarada ou em uma área bem iluminada onde o aipo possa receber luz solar adequada. O aipo requer cerca de 6 a 8 horas de luz solar por dia para crescer com sucesso. Se a luz solar natural for insuficiente, você também pode usar luzes artificiais para complementar a luz.
  • 6. Troca da água: Com o tempo, a água nas garrafas pode ficar turva ou estagnada. É importante trocar a água a cada poucos dias para garantir um ambiente de cultivo saudável para o aipo. Ao trocar a água, enxágue delicadamente também os talos de aipo.
  • 7. Fertilização Opcional: Você pode optar por adicionar um fertilizante líquido diluído à água uma vez por mês para fornecer nutrientes essenciais para um crescimento ideal. Siga as instruções na embalagem do fertilizante para obter a proporção correta de diluição.
  • 8. Paciência e Observação: Cultivar aipo em água é um processo gradual. Pode levar algumas semanas para você ver um crescimento significativo. Fique de olho no aipo e, com o tempo, você notará novas folhas emergindo do centro dos talos.
  • 9. Transplante para o solo (opcional): Se você deseja transplantar o aipo para o solo para uma experiência de cultivo mais tradicional, espere até que o aipo desenvolva um bom sistema radicular. Retire com cuidado o aipo da garrafa, tomando cuidado para não danificar as raízes, e plante-o em solo bem drenado.
uma tigela com aipo

Cultivar aipo em água usando garrafas plásticas é um método de jardinagem criativo e sustentável que requer recursos mínimos. Ao reaproveitar garrafas plásticas e usar talos de aipo que de outra forma poderiam ter sido descartados, você pode desfrutar da satisfação de cultivar seu próprio aipo fresco e nutritivo em casa. Esta abordagem não só contribui para os seus esforços culinários, mas também promove a reciclagem e reduz a sua pegada ambiental. Feliz crescimento!